Esta é uma das maiores dúvidas de quem faz campanhas de links patrocinados no Google. Muitos o confundem com o CTR, principalmente pelo fato de esta ser a métrica de maior influência. O problema é que o Google é muito vago na hora de explicar como ele funciona.

Na página onde explica a métrica o Google diz que o valor é determinado pelo CTR histórico da conta, a relevância da palavra-chave para os anúncios, e “outros fatores de relevância”. Ótimo, mas quais são estes fatores mesmo?

Apesar de anunciantes serem em teoria os “clientes” do Google, não é para eles que o serviço foi pensado. Apesar de serem muito eficientes para empresas que desejam aparecer na internet, os links patrocinados foram pensados para o usuário. Isso fica claro a partir do momento que o Google privilegia anúncios independente do valor que será pago pelo clique.

Isso mesmo! Nas campanhas de links patrocinados do Google os anunciantes com as melhores posições nem sempre estão pagando mais pelo clique. Entretanto o Google entende que são eles que oferecem o que o usuário está procurando, de forma que terão uma chance maior de gerar um clique, e consequentemente uma conversão.

Bom, mas como conseguir melhorar?

Bom, apesar de o Google considerar o CTR como o principal fator na sua construção, existem outros bem importantes. Uma coisa que nós percebemos há algum tempo aqui na agência é que outro fator também tem grande influência: o investimento.

Isso não significa que necessariamente o Google vai privilegiar os anunciantes que investem valores maiores. O que acontece é que com um investimento melhor você aumenta a cobertura de sua campanha, inclusive pelo tempo. Ou seja, se a sua campanha funciona plenamente 24 horas por dia, terá um índice melhor do que uma campanha que sai do ar porque o orçamento diário foi todo consumido.

Outro fator que influência bastante são os seus anúncios. O Google não vai ler todos eles e determinar quais são mais relevantes. Entretanto bons anúncios, com preço, informações completas e um bom chamariz, quando associados às palavras-chave certas influenciam bastante. Ou seja, procure trabalhar com muitos grupos e poucas palavras em cada grupo. Assim o usuário sempre verá um anúncio específico para o que pesquisou, aumentando a chance dele clicar no anúncio. Também é interessante usar a palavra-chave principal do grupo no título do anúncio, pois quando o usuário vê a palavra que digitou na busca fica mais inclinado a clicar no anúncio.

Por outro lado, anúncios pouco específicos, com informações vagas, sem uma página de destino adequada, vão te levar lá para baixo. Você pode até usar a estratégia de gerar a curiosidade no usuário, atraindo um bom volume de cliques. Entretanto isso não significa conversões, e nada é pior na internet do que frustrar a expectativa do usuário.

Sua landing page também é impressindível. O conteúdo de cada página de destino tem que estar adequado ao anúncio, e oferecer exatamente o que o usuário está buscando. Também é bastante considerado o tempo de carregamento da página.

Como vocês perceberam este é um assunto complexo e até um pouco controverso. Em breve voltarei a falar sobre ele, mas se você ainda tem alguma dúvida é só deixar nos comentários abaixo que responderemos o mais rápido possível.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Sobre WebTraffic

Somos uma Agência Digital Full Service com dez anos de atuação no mercado e pioneira em Marketing Digital no Brasil. Planejamos, implementamos e executamos ações completas para a internet com foco em performance e resultados. Links Patrocinados, Desenvolvimento Web, E-Mail Marketing entre outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*


*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.